quinta-feira, março 11, 2010

RuralMAX 2010 - Congresso Brasileiro de Telecomunicações Rurais


Apesar de todo o êxodo rural ocorrido no Brasil, ainda temos cerca de 19% da população brasileira vivendo na zona rural. Pode parecer uma proporção baixa, mas em número absolutos, são quase 32 milhões de pessoas no campo. E, assim como a população urbana, os moradores das áreas rurais também querem o acesso à educação, saúde, comunicação, bens de consumo, etc.

No que diz respeito à comunicação, mais especificamente, informática e internet, se na zona urbana a penetração dessas tecnologias no Brasil se mostra muito aquém do desejável, na zona rural os números são ainda mais acentuados. Enquanto 28% dos domicílios na zona urbana possuem computador, nas áreas rurais a penetração dessa tecnologia é de apenas 8%. Com relação à internet a diferença é também considerável: enquanto nas áreas urbanas 20% dos domicílios possuem acesso à internet, na zona rural são apenas 4%.

Em pesquisa do Comitê Gestor da Internet (CGI), o custo da conexão aparece como o principal motivo citado para ausência de internet nos domicílios que possuem computador, com 54% das respostas para o total do Brasil, sendo que indisponibilidade de conexão na área aparece apenas em quarto lugar, com 17% das respostas. No entanto, quando considerado apenas a área rural a falta de disponibilidade de conexões sobe para o segundo motivo mais citado para a falta de internet, com 27% das respostas. Nas áreas rurais da Região Norte a falta de disponibilidade atinge 56% das declarações, sendo o principal motivo para a falta de internet, superando até mesmo o custo.

Em um momento em que o governo elabora um plano para aumentar a penetração de internet banda larga no país, as pesquisas mostram que na área rural a falta de disponibilidade de conexão é um motivo quase tão importante quanto o custo para que tanta gente permaneça excluída do mundo on-line. As oportunidades de negócios no atendimento ao acesso à internet nas áreas rurais são tão grandes quanto o desafio tecnológico de fazê-lo mantendo um custo acessível.

No RuralMAX 2010, Congresso Brasileiro de Telecomunicações Rurais, representantes do governo, de empresas, membros das academia e todos os interessados no assunto terão uma oportunidade de debater como enfrentar esse desafio, o que já existe de alternativas e quais os caminhos mais promissores para incluir a população rural no mundo on-line.
O evento ocorrerá dia 6 de maio em São Paulo.
.
Maiores informações no site http://www.ruralmax2010.com.br/ .

Nenhum comentário:

Postar um comentário